ANESP e Ministério da Cultura conversam sobre inserção de EPPGGs no órgão

 O Presidente Alex Canuto, a Coordenadora-Geral de Gestão de Pessoas, Luciene Fernandes de Souza, o Coordenador-Geral de Melhorias Organizacional, Gilton de Matos Pereira e Subsecretária de Gestão Estratégica, Lucineide Costa. Foto: Filipe Calmon / ANESP

O Presidente Alex Canuto, a Coordenadora-Geral de Gestão de Pessoas, Luciene Fernandes de Souza, o Coordenador-Geral de Melhorias Organizacional, Gilton de Matos Pereira e Subsecretária de Gestão Estratégica, Lucineide Costa. Foto: Filipe Calmon / ANESP

O Presidente da Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (ANESP), Alex Canuto, esteve reunido, na tarde desta terça-feira (8), com representantes do Ministério da Cultura (MinC) para dialogar sobre a inserção dos EPPGGs na atual estrutura do órgão.  A Subsecretária de Gestão Estratégica, Lucineide Costa, o Coordenador-Geral de Melhorias Organizacionais, Gilton de Matos Pereira, e a Coordenadora-Geral de Gestão de Pessoas, Luciene Fernandes de Souza representaram o Ministério.

O ponto central do encontro foi sanar dúvidas sobre processos seletivos para a ocupação de FCPE e DAS na pasta que, num primeiro momento, foram voltados apenas para servidores do órgão, excluindo os membros das carreiras descentralizadas. Durante a reunião, o Presidente da ANESP ouviu da Subsecretária de Gestão Estratégica que essa iniciativa do MinC faz parte da política de valorização dos servidores do órgão. Ela também pontuou que o Minc tem interesse em contar com ainda mais EPPGGs na estrutura do órgão e agradeceu o interesse da Associação em aproximar os dois lados.

“A Secretaria de Gestão do Ministério do Planejamento, quando instituiu as FCPEs, previu também que os cargos deveriam ser preenchidos por processos seletivos transparentes e democráticos. Nós temos total interesse em atuar para auxiliar na captura desses talentos e a conversa de hoje serviu para ratificar essa disposição”, avaliou Alex Canuto.

Lucineide Costa também saiu do encontro bastante satisfeita. “Nós queremos atrair mais gestores para a nossa pasta ao mesmo tempo em que trabalhamos para valorizar nossos servidores. Temos hoje aqui mais de 30 EPPGGs e já estamos conversando, avaliando nossas necessidades, para que mais gestores atuem aqui. Ficamos muito felizes com a disposição da ANESP em nos ajudar”, afirmou.