Representando a primeira turma, EPPGG resgata histórico e atenta para o cenário atual

Na comemoração dos 25 anos, gestor Luciano Patrício lembra que carreira chegou a ser extinta e que problemas com a mobilidade e no edital do novo concurso devem servir de alertas

 Foto: Ascom ANESP

Foto: Ascom ANESP

Na comemoração dos 25 anos da aula inaugural do curso de formação para a carreira de EPPGG, realizada segunda-feira (12) na Escola Nacional de Administração Pública – Enap, não poderia faltar espaço para aqueles que viveram o momento celebrado: os integrantes da primeira turma. Esse papel foi desempenhado pelo gestor Luciano Patrício (em destaque na foto).

Em sua fala, elogiada pelos presentes, Patrício lembrou as dificuldades enfrentadas no início da formação. Duas das mais marcantes foram a batalha pela criação da carreira - o curso começou antes mesmo da publicação da norma – e sua extinção prematura no início da década de 1990.

Saiba mais sobre a história da carreira de EPPGG

Aquele não foi o único período em que a carreira enfrentou um cenário adverso. Atualmente, ressaltou Patrício, alterações na Portaria que define o Processo Integrado de Mobilidade - Proim e problemas no edital do concurso para a carreira deixam os EPPGGs em alerta. “Vivemos um momento de apreensão com as novas regras de mobilidade e de seleção dos integrantes da carreira. Esta preocupação é de todos os gestores”, disse Luciano.

Para o gestor, é preciso entender que a carreira tem profissionais com diferentes perfis e que isso é uma das riquezas que devem ser preservadas e aproveitadas pela Administração Pública.

Por fim, o EPPGG agradeceu a realização da comemoração e pediu que a Enap também trabalhe na manutenção da memória que envolve a carreira.

A íntegra do discurso de Luciano Patrício pode ser lida aqui.