Proposta de criação de federação sai fortalecida do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos

Comissão formada por gestores das carreiras federal e estaduais ficou encarregada de avançar no processo de constituição da entidade que convergirá interesses em comum

 Trajano Quinhões - Presidente da ANESP Foto: Ascom ANESP

Trajano Quinhões - Presidente da ANESP Foto: Ascom ANESP

A proposta de criação de uma federação que reúna as entidades representativas das carreiras dos gestores nos estados, juntamente com a carreira federal, obteve um avanço importante no último dia do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos.

Os representantes das associações estaduais, a convite da ANESP, assinaram um documento onde registaram a criação de uma comissão, com participação de todas as entidades presentes, nove ao todo, além de outras que queiram aderir à futura federação, para assumirem os trâmites legais para criação da entidade.

É consenso entre os gestores públicos que a federação seria um elemento de fortalecimento dos debates acerca dos desafios das carreiras, nivelando debates de temas em comum, além de propiciar aos profissionais ferramentas mais consistentes para melhorar a qualidade dos serviços prestados à população, por meio dos programas e políticas públicas.

“Trata-se de um momento histórico para o conjunto de nossas carreiras e marca o início de um processo de muito aprendizado para todos nós”, celebrou o diretor presidente da ANESP, Trajano Quinhões.

Fonte: Assessoria de Comunicação CBGP