Em vídeo, lideranças das carreiras de Estado relatam indignação após reunião com o Ministério do Planejamento

Presidente da ANESP, Alex Canuto, durante gravação do vídeo. Foto: Filipe Calmon / ANES

Presidente da ANESP, Alex Canuto, durante gravação do vídeo. Foto: Filipe Calmon / ANES

O Secretário de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (SGP/MP), Augusto Chiba, após o Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate) convocar Dia Nacional de Protesto para esta quarta-feira (30), convidou os líderes das entidades representativas dos servidores públicos afetados pelo pacote anti-servidor apresentado pelo Ministro do Planejamento Dyogo Oliveira no último dia 15 de agosto. A reunião serviu apenas para repetir o conteúdo do pacote, que foi defendido sem qualquer estudo técnico que o embase, e ouvir as reclamações dos representantes das entidades. Nenhum dos presentes na reunião concordou com qualquer das medidas anunciadas.

Indignados com a forma e o conteúdo do encontro, representantes dos servidores públicos registraram sua contrariedade em vídeo. Nele, estão representantes dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), Auditores Fiscais do Trabalho, Servidores e Funcionarios do IPEA, Auditores Federais de Controle Externo, Analistas e Técnicos de Planejamento e Orçamento, Auditores-Fiscais da Receita Federal, Servidores do Poder Legislativo Federal e do Tribunal de Contas da União, Auditores Fiscais Federais Agropecuários, Administradores Tributários da União, Estados e Municípios, Funcionários do Banco Central e Auditores e Técnicos Federais de Finanças e Controle.

Assista ao vídeo e o compartilhe em suas redes